• ABP

Carmita Abdo - Orgulho de ser psiquiatra

Atualizado: 29 de Mai de 2018



Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas da PUC de Sorocaba, a Profa. Dra. Carmita Abdo especializou-se em psiquiatria pelo Instituto de Psiquiatria do HC da Faculdade de Medicina da USP. Ela queria ser psiquiatra desde sempre: “Fui escolhida. Não me lembro de alguma vez ter pensado em qualquer outra profissão para mim. Fiz Medicina para ser psiquiatra. Adorei o curso, diversas especialidades me encantaram, mas não a ponto de me demoverem do intuito inicial. Apenas me deram a dimensão de como seria desafiador trabalhar em Psiquiatria e suas interfaces. Daí meu direcionamento para a área da Sexualidade”.


Para a psiquiatra os maiores desafios da psiquiatria atualmente são: vencer o  estigma ,conciliar a relação médico-paciente com a relação médico-família, paciente-família  e sociedade, tanto medicalizar quanto acolher o paciente na medida adequada, defender todas as áreas de atuação para estar a serviço  em múltiplas oportunidades.


Dra. Carmita viu muitas mudanças na psiquiatria desde a sua formação: os especialistas passaram a pesquisar mais, esclareceram aspectos até então pouco conhecidos,  estabeleceram critérios diagnósticos mais precisos, ampliaram o arsenal terapêutico, aproximaram-se da sociedade e fizeram diferença no dia a dia da população.


Sobre o orgulho de ser psiquiatra: “Pratico uma especialidade médica que muito exige, mas muito gratifica quem ainda acredita na medicina como um elo entre o que