• ABP

Instituído o Dia de Enfrentamento à Psicofobia em Sete Lagoas (MG)


Mais uma vitória da Psiquiatria! O dia 12 de abril foi instituído como o Dia de Enfrentamento à Psicofobia no município de Sete Lagoas, em Minas Gerais. O Projeto de Lei nº 207/2022 foi proposto pela vereadora Heloísa Fróis e aprovado por unanimidade pela Câmara Municipal, com o objetivo de combater as atitudes preconceituosas e discriminatórias contra padecentes de doenças mentais e pessoas com deficiência.

"Acho extremamente importante porque precisamos difundir no território nacional que a prática banal da Psicofobia aumenta e até acelera o preconceito contra as pessoas que padecem de transtornos mentais, na maioria das vezes acarretando o agravamento de seus sintomas", afirma a parlamentar.

Segundo o PL, o Dia Municipal contra a Psicofobia terá cunho educativo e publicitário, conscientizando a população em geral sobre a temática e desmistificando preconceitos e discriminações. "Minha sugestão enquanto agente política do Poder Legislativo é de que o setor de saúde municipal do Poder Executivo realize campanhas educativas na semana em que se comemora o Dia Nacional de Combate à Psicofobia, assim como já são realizadas anualmente outras campanhas. Sugiro o uso de cartilhas, palestras, peças teatrais, oficinas lúdicas, eventos em praças públicas, instituições de ensino e unidades de atendimento psicológico e psiquiátrico, além é claro, de reciclagem e capacitação de profissionais da rede municipal", ressalta Heloísa.


O presidente da Associação Brasileira de Psiquiatria - ABP, Dr. Antônio Geraldo da Silva, comemora mais essa conquista: "a Psicofobia impede que milhares de padecentes de doenças psiquiátricas busquem o tratamento adequado e, também, leva milhares de pessoas ao suicídio todos os anos. Por isso, é imprescindível que os municípios e estados brasileiros se juntem a nós nessa batalha. A aprovação deste PL é mais uma vitória na nossa luta contra o estigma!"


Agradecemos a vereadora pela dedicação nesta luta da ABP no combate à Psicofobia e em prol da especialidade e dos padecentes de doenças mentais.