top of page

ABP TV: quais são as consequências do uso de crack nos homens e nas mulheres?


O crack é uma droga altamente viciante, que traz inúmeros prejuízos aos usuários, como o desenvolvimento de patologias pulmonares e cardíacas, desnutrição, doenças psiquiátricas, além da maior exposição a situações de risco. O III Levantamento sobre Uso de Drogas pela População Brasileira - LNUD III aponta que, pelo menos, 1,39 milhão de cidadãos fizeram uso da droga - um número que provavelmente é subnotificado, já que a população de rua não foi considerada no estudo.


O artigo "Diferenças de gênero na progressão para o uso de crack e o papel da violência sexual e física", publicado na Brazilian Journal of Psychiatry, aponta que, por ser uma droga com maior potencial de dependência, geralmente o crack não é uma substância de uso primário, tendo seu consumo precedido por outras drogas, como álcool, maconha e cocaína, por exemplo. Dessa maneira, o estudo investiga a progressão do uso de drogas em usuários de crack, considerando, principalmente, a diferença entre os gêneros.


O ABP TV da próxima terça-feira, 27 de dezembro, vai abordar as diferentes consequências do uso do crack nos homens e nas mulheres. Participam os médicos psiquiatras:


  • Dr. Felix Kessler: Médico Psiquiatra, associado efetivo da ABP. PhD em Psiquiatria e Ciências do Comportamento pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Professor Adjunto do Departamento de Psiquiatria e Medicina Legal da UFRGS. Chefe do Serviço de Psiquiatria de Adições e Forense do Hospital de Clínicas de Porto Alegre.

  • Dra. Lisia Von Diemen: médica psiquiatra, associada efetiva da ABP. Possui graduação em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2000) e Mestrado (2006) e Doutorado (2013) em Ciências Médicas: Psiquiatria pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Atualmente Professora do Departamento de Psiquiatria e Medicina Legal da UFRGS e do serviço de adições e forense do Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA), Coordenadora do programa institucional de álcool e drogas do HCPA, Vice-Diretora do Centro de Pesquisa em Álcool e Drogas do HCPA/UFRGS, professora da Pós-Graduação em Psiquiatria e Ciências do Comportamento da UFRGS e do Mestrado Profissional em Álcool e Drogas do HCPA. Foi professora do Departamento de Psiquiatria da Queen's University em Kingston, Canadá.


O programa ABPTV é transmitido ao vivo pelo Facebook da ABP, Canal ABPTV no Youtube, pelo Instagram da ABP (@abpbrasil) ou pelo site da Associação. Participe você também enviando suas perguntas pelos espaços de comentários das transmissões ou pelo Linha Direta no site da ABP, clicando aqui.

Comments


bottom of page