• ABP

Transmissão ao vivo do Cinepsiquiatria é sucesso de audiência


No último sábado, 09, o Projeto Cinepsiquiatria ABP/APAL apresentou debate e exibição do filme "Coringa".


Pela primeira vez, a sessão contou com transmissão ao vivo pela internet nos perfis da ABP nas redes sociais. Mais de 15 mil pessoas foram alcançadas pelas transmissões nos perfis da ABP no Facebook e Instagram.


Com organização local da Associação Psiquiátrica Cyro Martins - CCYM, a exibição aconteceu em Porto Alegre no GNC Cinemas do Shopping Praia de Belas. O debate contou com a presença dos doutores Alcina Barros, Antônio Geraldo da Silva, Claudio Martins, Euclides Gomes e Lisieux Telles.

debatedores-cinepsiquiatria
Da esquerda para direita: Dr. Cláudio Martins, Dra. Alcina Barros, Dr. Antônio Geraldo, Dra. Lisieux Telles e Dr. Euclides Gomes

Uma das debatedoras da manhã, a psiquiatra Dra. Alcina Barros apontou que os temas abordados pelo filme, que se passa na década de 1980, ainda são muito atuais. "O Cinepsiquiatria ABP/APAL tem a intenção de lutar contra esses problemas que são apresentados pelo filme: a desassistência em saúde mental, que muitos pacientes com transtornos mentais graves passam; a discriminação que ele [o Coringa] sofre; e a exclusão social", pontuou.


A arteterapeuta Zelaine destacou a importância de momentos em que a saúde mental é debatida fora da academia. "Quando eu entrei em contato com o projeto pela primeira vez, eu me encantei por ele. Os conteúdos que a gente vê na academia são deslocados para esse nosso mundo real, a gente consegue ver coisas maravilhosas vivendo o cotidiano, percebendo o detalhe, como as pessoas reagem. A gente consegue ter um olhar diferenciado e isso é extremamente importante para tudo na vida", afirmou.


A próxima sessão do Cinepsiquiatria já está marcada para o dia 14 de dezembro, com a exibição do filme "O que você pensa que vou", estrelado pela atriz Juliette Binoche. Será no GNC Cinemas do Shopping Praia de Belas, às 10h30.


Não perca!